Quem não gostaria de ouvir mais uma vez a voz de Robin Williams? Pois é, quem é fã de Aladdin e do ator estava só esperando a oportunidade de aproveitar pela última vez a dublagem divertida do ator do personagem Gênio.

Mas parece que os planos da Disney de realizar um quarto filme do sucesso a partir de algumas falas de Williams que não entraram na edição final do primeiro longa, foram por água abaixo!

De acordo com o New York Post, Robin Williams determinou, em seu testamento, a restrição do uso e exploração de seu nome, performances em vídeo ou gravações de voz pelos próximos 25 anos.

O ator teria tomado tal decisão para limitar a responsabilidade fiscal de sua família em cima do lucro póstumo sobre sua imagem.